Usuários on-line

Nós temos 20 visitantes online

Visitas

mod_vvisit_counterHoje381
mod_vvisit_counterOntem2582
mod_vvisit_counterNesta Semana5390
mod_vvisit_counterNeste Mês63888
mod_vvisit_counterTodas5689151

Nós temos: 8 visitantes, 3 bots online
Hoje: 27 de Set 2016
EVANGELHO DE 27 DE SETEMBRO
Seg, 26 de Setembro de 2016 16:17

51Estava chegando o tempo de Jesus ser levado para o céu. Então ele tomou a firme decisão de partir para Jerusalém 52e enviou mensageiros à sua frente. Estes puseram-se a caminho e entraram num povoado de samaritanos, a fim de preparar hospedagem para Jesus. 53Mas os samaritanos não o receberam, pois Jesus dava a impressão de que ia a Jerusalém. 54Vendo isso, os discípulos Tiago e João disseram: “Senhor, queres que mandemos descer fogo do céu para destruí-los?” 55Jesus, porém, voltou-se e repreendeu-os. 56E partiram para outro povoado.

 
1341 - O ABRAÇO DO CRUCIFICADO
Seg, 26 de Setembro de 2016 22:05

 Quem visita a igreja catedral de Würzburgo (Alemanha) se detém maravilhado diante de um grande crucifixo,esculpido no século XIII, e exposto num altar lateral. Sua diferença dos outros está na posição dos braços e das mãos. O divino crucificado arrancou as mãos da madeira da cruz para abraçar alguém. As gotas de sangue na sua fronte são pedras legítimas de rubi.

A imaginação popular teceu uma lenda ao redor desse crucifixo singular: Conta-se que um ladrão entrou à noite na igreja para roubar os brilhantes da coroa. Subiu até a cruz e atracou-se com o próprio crucificado para alcançar a coroa. Nesse momento Jesus soltou os braços da cruz e abraçou o ladrão. Era um gesto de censura, perdão e acolhimento. Passou a noite abraçado com ele, coração a coração, sem poder desvencilhar-se de quem queria desviá-lo de um crime sacrílego. Quando o sacristão chegou de manhã e viu aquela cena inédita, assustou-se deveras. Refeito do susto, ajudou o criminoso a soltar os braços do Crucificado. Os cabelos do ladrão arrependido tinha ficado brancos.

 

 
1324 - O PROFESSOR E O CANOEIRO
Seg, 26 de Setembro de 2016 15:36
  1. Certa vez um homem dado às ciências foi passear no sítio. Levou seus livros, pois eram companheiros inseparáveis. Quando quis atravessar o rio para chegar à fazenda do amigo, a ponte estava caída. E agora? Felizmente um barqueiro andava por ali. Que viesse atravessá-lo para o outro lado.- Pois não, doutor. - ravessia começou. O cientista, que gostava de um dedo de prosa, começou o bombardeio de perguntas:
  2. - Como você se chama? - José, mas todos me tratam por Zé Pescador.
  3. - Pois bem, seu José. Você sabe ler e escrever?- Não sei, professor.
  4. - Não sabe ler nem escrever? Já perdeu um pedaço da sua vida.
  5. O canoeiro disse "quá" e continuou a remar. - Mas sabe Geografia? Qual é a capital do Brasil? - Nada disso eu sei, professor.
  6. - Então perdeu a metade da vida.
  7. O caipira nem teve tempo de dizer "quá" porque a canoa bateu num tronco de árvore e virou. Que susto! Que tragédia! Os dois foram para o fundo d’água. O canoeiro, que sabia nadar, voltou à tona e agarrou-se na barca. Mas o professor continuava se debatendo na água. Desta vez foi o canoeiro quem fez uma pergunta ao cientista: - Sabe nadar, professor? O homem, com a boca cheia d'água, não conseguia responder. O caipira arrematou: - Então você perdeu não só a metade, mas a vida inteira.
  8. Lição:- É bom saber leitura, matemática, geografia e todas as ciências do mundo. Mas, faltando a Fé em Deus, nada disso adianta.
 
27 DE SETEMBRO – VICENTE DE PAULO: MODELO DE CARIDADE
Seg, 26 de Setembro de 2016 15:26

 altSão Vicente (1581-1660) passou para a História como protótipo da caridade. Quantas centenas de obras sociais trazem o seu nome! Uma das mais conhecidas é a Sociedade São Vicente de Paulo, que o tem como seu protetor. São Vicente viveu num tempo de muitas guerras, muitas turbulências e muita fome na Europa. Por isso a sua vida está marcada por incidentes e lances dramáticos. Logo após a ordenação sacerdotal caiu prisioneiro dos turcos e foi vendido como escravo. Foi capelão da rainha e exerceu grande influência no meio da nobreza.

Sua atividade principal foi com os pobres, as vítimas da guerra, os presidiários, os órfãos e os abandonados pela sociedade. Construiu casas de educação e de retiro, albergue para peregrinos e fugitivos de guerra, orfanatos e asilos, organizou cozinhas populares  etc. Para ajudá-lo nessas e outras obras caritativas, fundou a Congregação dos Padres Lazaristas e das Irmãs Filhas da Caridade.

Desde criança teve um coração bom. Vinha certa vez carregando um saco de farinha que buscara no moinho. Vendo um pobre no caminho, ofereceu-lhe  a metade dando esta desculpa: - Este saco está muito pesado para mim. Vamos repartir? Você fica com a metade, tá bom? -  Outra vez ofereceu-se como refém para libertar um condenado às galés.Sejamos  também, vicentino, amigos dos pobres.

Oração : Senhor Jesus, que a exemplo de São Vicente de Paulo, sejamos mensageiros da Boa Nova para os pobres, infundindo neles a coragem de lutar juntos pela própria  libertação. 

 
DOR DO PAPA
Qui, 22 de Setembro de 2016 17:50
 
PEDIDOS DE ORAÇÃO - SETEMBRO 2016
Qui, 18 de Agosto de 2016 21:57

- Maria Perdigão: Meu Diviníssimo Salvador que nos destes a Vossa Vida, que derramastes o Vosso Preciosíssimo Sangue por todos os pecadores desde Adão até hoje e por todos os tempos, dignai-Vos purificar-me, libertar-me, salvar-me, curar-me, santificar-me, perdoar-me!

- Luise Maria: Minha mãe, passe na frente da mamografia que farei; também do meu pagamento; me cubra com seu manto sagrado e cuide de minha irmã Rita, e passe na frente na restauração de sua família.

Por todos que pediram nossa oração: > Divino Pai Eteraltno, sabeis de cor o que cada um está pedindo ou agradecendo. Atendei a todos, pelo Sangue do vosso Filho e pelas súplicas de Maria.- >Coração Misericordioso de Jesus, tende compaixão de nós! - >Maria Ssma., ide na frente desatando nós e abrindo caminhos! - >Deus abençoe a todos em Nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém!

PEDINDO a beatificação do Venerável P.Pelágio: Deus e pai de bondade! Escolheste o venerável pe. Pelágio para ser missionário do teu Filho na dedicação total aos pobres e enfermos.Enriqueceste-o com os dons do teu Espírito para abençoar, curar e confortar. Por isso te pedimos sua beatificação. Agradecidos, queremos também ajudar a construir um mundo de paz onde os pobres são assistidos, os doentes socorridos e os bens partilhados. Amém!

 

Outros artigos