1306 - O PEREBÃO DO NOIVO
Seg, 02 de Maio de 2016 11:31
  1. Um rapaz, um tanto simplório foi pedir a mão da filha de um fazendeiro. O pai que não queria entregar a filha para um sujeito sem eira e nem beira, fez primeiro uma sondagem muita discreta: - Muito bem, meu rapaz. Se ambos se gostam por que não? Antes, porém, algumas informações. Você, por exemplo, já tem uma casinha para morar?
  2. - Sim, doutor. Eu tenho um “casão”.
  3. - Entendi. Você já tem uma casa grande. Tem também um carrinho para se locomover?
  4. - Pois é claro. Carrinho, não. Eu tenho um carrão.
  5. - E você tem uma fazendinha?
  6. - Eu tenho um fazendão.
  7. Nisto o rapaz suspendeu o cano da calça para se coçar ou coisa que o valha
  8. - Isso aí é alguma perebinha? – perguntou o fazendeiro, sorrindo.
  9. - Capaz! É um perebão.
  10. E assim o rapaz perdeu um casamentão. Lição: Tenhamos discrição em tudo.
 

Outros artigos

Animação

http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/233996o_sorriso.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/950871smpre_no_cora____o.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/382426pelagio.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/343594test1.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/384004test.png