1209 - O MISSIONÁRIO E A SERPENTE
Sex, 27 de Maio de 2016 11:12

Foi em terras de missão na Birmânia. O padre missionário saíra bem cedo para visitar os enfermos. Tinha que atravessar uma floresta. O caminho era estreito. O cachorro que acompanhava o missionário, ziguezagueava alegremente, farejando cada palmo da trilha. O padre, absorto na reza do terço, não viu uma serpente, a terrível boa, enrolada nos galhos da uma árvore. Teve tempo apenas de invocar o nome de Maria. A serpente já o apertava enrodilhando-se no seu pescoço. O cachorro, vendo seu dono em tal perigo, sai correndo como uma flecha no rumo da aldeia. Chega ofegante à casa do catequista, agarra-o com os dentes e faz menção de carregá-lo. Paulo pressente alguma tragédia, segue o cachorro que retoma a corrida na direção da floresta. Por vezes ladra angustiadamente, como que pedindo ao catequista que apresse o passo. 

Chegaram. Lá está o padre preso entre os anéis da serpente. Os birmanês sempre leva consigo um grande facão. Com um só talho corta a cabeça da ‘boa” feroz. Afroixam-se os anéis que asfixiavam o missionário. Paulo aplica-lhe a respiração artificial enquanto o cachorro lambe carinhosamente o seu dono. Por fim o padre abre os olhos e volta a si. O catequista lhe diz: - Seu padre, foi um milagre. Pelo tempo que eu demorei, o senhor poderia ter morrido vinte vezes. (Do livro: 365 dias, 365 histórias).

Lição: Livra-nos sempre de todos os perigos, ó Virgem gloriosa e bendita, Senhora nossa, Medianeira nossa...

 

Outros artigos

Animação

http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/233996o_sorriso.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/950871smpre_no_cora____o.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/382426pelagio.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/343594test1.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/384004test.png