FOI ASSIM QUE A VIÚVA POBRE AJUDOU
Sex, 08 de Setembro de 2017 10:47

Aconteceu há muitos séculos, no país da Normandia. Governava na época um rei poderoso e rico. Além de tudo, muito presunçoso. Certa vez mandou anunciar que ia construir uma igreja digna de um rei. Ninguém dos súditos devia ajudar, nem com um centavo, esse empreendimento real. Quem transgredisse essa ordem, seria castigado.

Em pouco tempo a igreja ficou pronta. Majestosa e imponente, deveria desafiar os séculos, como as pirâmides do Egito. Seria o orgulho do rei e a glória do país. No frontispício foi gravada em mármore esta inscrição: "O rei (o nome do rei) a construiu sozinho". - Mas aconteceu algo misterioso. Durante a noite, alguém apagou o nome do rei e escreveu o nome de uma mulher, conhecida na cidade como viúva pobre. O rei ficou irritadíssimo. Mandou cancelar aquele nome e recolocar o seu. Pela segunda e terceira vez repetiu-se o fenômeno. Cada vez que o rei mandava regravar seu nome, no dia seguinte aparecia o nome da viúva. Os detetives do rei procuraram descobrir o autor dessa brincadeira, mas a pesquisa foi inútil. Então o rei mandou chamar a viúva. Não dominando seu nervosismo, perguntou-lhe: Conte-me toda a verdade. Não lhe será feito mal algum. Contrariando minhas ordens, a senhora teria dado algum auxílio à minha igreja?

  1. - Confiado em tua palavra, contarei tudo. Sou uma pobre viúva. Ganho meu pão, fiando e tecendo. Um dia sobrou algum dinheiro e pensei em aplicá-lo em nossa igreja...
  2. - Na minha igreja, corrigiu o rei.
  3. - Sim, na Sua igreja. Desculpe-me! Mas temia o seu castigo. Por isso ajuntei um feixe de feno e joguei-o para os bois que puxavam as pedras da construção. Assim fazendo não estaria transgredindo a Sua ordem.
  4. O rei ficou pensativo. Que contraste: De um lado, o orgulho desmedido; e do outro, a humildade profunda.
  5. > Para refletir:- A inscrição misteriosa no frontispício era uma lição: Deus estava mais satisfeito com a oferta da pobrezinha, do que com toda a riqueza do rei orgulhoso.
  6. > Palavra de Deus: Caim apresentou ao Senhor frutos da terra. Abel, por sua vez, ofereceu os primeiros cordeiros e a gordura das ovelhas. Mas o Senhor olhou para Abel e sua oferenda, e não deu atenção a Caim e sua oferta. (Gn 4,3-5)
 

Outros artigos