381 - OS TRÊS CANDIDATOS
Dom, 10 de Dezembro de 2017 02:10

 Houve um rei na Antigüidade que procurava para seu Primeiro Ministro o homem mais sábio do reino. Após minuciosa pesquisa, foram localizados três homens, todos de alto conceito e grande capacidade. Ele precisava de um apenas. Como selecionar o melhor dos três? Através de um concurso? O rei fez coisa semelhante. Chamou os três para uma sala do palácio e disse:— Naquela porta foi instalada uma fechadura-segredo. É a invenção mais avançada no ramo. O primeiro que conseguir abrir a porta será o meu Primeiro Ministro.

Os três candidatos lançaram-se logo à tarefa. Dois deles começaram a jogar no papel fórmulas sofisticadas de matemática e a fazer cálculos complicadíssimos.O terceiro candidato dirigiu-se logo até a porta e experimentou abri-la. Girou a maçaneta e a porta se abriu. A porta estivera fechada apenas pelo trinco. Este foi o escolhido, porque usou o bom senso.

> Para refletir:— Mais vale a prática do que a gramática. Muitas vezes complicamos as coisas mais simples. Também nas coisas de Deus é preciso muita intuição. A isso chamamos o "sexto sentido da fé".

 

Outros artigos