640 - NÃO É NINGUÉM
Dom, 22 de Abril de 2018 10:29

Era uma vez um padeiro que chegou a se convencer de que ele não era ninguém. Por quê? Ao entregar o pão nas casas dos fregueses, costumava bater palmas ou bater à porta. Então escutava muitas vezes o seguinte diálogo:— Minha filha, vá ver quem está batendo.-Após alguns instantes, vinha a resposta:— Mamãe, não é ninguém. É o padeiro.

De tanto ouvir esse “não é ninguém”, o entregador de pão quase perdeu a própria identidade.

Lição: É preciso dar valor às pessoas, por mais humilde que seja sua profissão.

Palavra de Deus: Não valeis vós mais do que os pássaros? (Lc 12,24).

 

Outros artigos