“JESUS, AQUI ESTÁ O ZÉ”
Seg, 22 de Outubro de 2018 21:25

Todos os dias, ao meio-dia, um pobre velho entrava na igreja, punha-se de joelhos e, pouco depois, retirava-se. Um dia o sacristão perguntou o que ele vinha fazer, pois havia objetos de valor na igreja. Venho rezar, respondeu o velho.É estranho como o senhor consegue rezar tão rapidinho. Não sei rezar aquelas orações compridas. Por isso entro na igreja e digo apenas: “Jesus, aqui está o Zé. Vim te visitar”. É só uma pequena oração, mas tenho certeza de que ele me ouve.Alguns dias depois, o homem sofreu um acidente e foi internado. Na enfermaria em que o colocaram, passou a exercer influência benéfica sobre os doentes. Ficaram mais alegres. Zé, disse-lhe um dia a Irmã, os outros doentes dizem que você está sempre alegre. Por que será? É por causa daquela visita que recebo todos os dias. Que visita? A que horas? Todos os dias, ao meio-dia, ele vem ficar ao pé da minha cama. Quando olho para ele, eu o escuto dizer: — Zé! Aqui está Jesus. Vim te visitar. Vim retribuir tuas visitas.

 

 

Outros artigos