598 - HÁ MALES QUE VÊM PARA BEM
Qua, 16 de Janeiro de 2019 17:15

Um rapaz, vítima de distúrbios mentais, estava ajoelhado diante de um altar da velha matriz. Várias imagens nos nichos. Mais pessoas faziam ali suas preces. O altar, de madeira muito antiga, estava bem deteriorado pelo tempo.Súbito alguém pisou inadvertidamente num dos degraus. O altar balançou. Sem que ninguém pudesse impedir, uma estátua escapou lá do alto e veio bater na cabeça do rapaz.Agora sim, acabou de piorar a situação mental do infeliz, pensaram os devotos que ali se achavam.Aconteceu o contrário, porém. Refeito do susto, passou a mão pela cabeça a fim de constatar os estragos causados. Estava ligeiramente machucada. Mas, em troca, seus miolos entraram no lugar. Sua mente estava consertada. Voltou a ser uma pessoa normal.

Muitas vezes é preciso desmanchar para consertar. O médico rasga a ferida para curar. O pedreiro derruba uma parede para reconstruir e reformar. O que arde, cura;.o que aperta, segura.

 

 

Outros artigos

Animação

http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/233996o_sorriso.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/950871smpre_no_cora____o.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/382426pelagio.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/343594test1.png http://boletimpadrepelagio.org/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/384004test.png