Usuários on-line

Nós temos 133 visitantes online

Visitas

mod_vvisit_counterHoje180
mod_vvisit_counterOntem2559
mod_vvisit_counterNesta Semana8118
mod_vvisit_counterNeste Mês65740
mod_vvisit_counterTodas6413323

Nós temos: 78 visitantes, 3 bots online
Hoje: 28 de Jun 2017
MAIS CAPELAS, CADA VEZ MAIS ESPAÇOSAS
Ter, 27 de Junho de 2017 14:15

  altA segunda capela:No prazo marcado, Constantino foi buscar a encomenda. Gostou da idéia do escultor. O preço, porém, já não era o mesmo. O dinheiro que levou, não foi suficiente. Diz a tradição que ele completou o pagamento deixando lá seu cavalo com os arreios, e voltou a pé com a imagem, perfazendo a pé cerca de 120 km.. A duas léguas de Barro Preto, Constantino mandou recado para que viessem recebê-la festivamente. O encontro aconteceu no alto de uma capoeira, nas imediações do bairro das Bruacas, perto de ribeirão Barro Preto. Muitos vivas! Muito foguetório. Caminhando e cantando, entraram na casinha de oração que agora já era uma capela pequena e rústica, mas acolhedora.

1858 – Morte de Constantino:

Sua morte está registrada no livro de óbitos de nossa Campinas. Morreu, chorado por todos.  Foi o primeiro guardião do santuário nascente. Dotado de grande espírito comunitário, logo nos inícios havia doado generosamente o medalhão e depois a estátua para a comunidade, renunciando assim a todas as benfeitorias como “achador” e cuidador do pequeno santuário. Hoje Trindade tem seu nome numa rua. Multidões chegavam com seus carros-de-boi e suas tralhas para passar a festa junto do “Padre” Eterno. Tanto assim que foi preciso construir capelas e igrejas sempre maiores para o pequeno Barro Preto.

1876 –A terceira capela: Conforme as anotações do P. João Cardoso, esta capela parecia uma igreja com sua imponência, e seu conforto, seus adornos por dentro e por fora. Os vigários da época vinham de Campininhas, cada primeiro de julho para celebrar a santa missa. A história registrou seus nomes: PP. José Olinto e Luiz Manoel dos Anjos. No longo período de quase cinqüenta anos a Fé simples  era alimentada pelas visitas dos vigários que vinham de Trindade e pelos catequistas populares (Conclui no próximo boletim)

 
 

Outros artigos