Usuários on-line

Nós temos 69 visitantes online

Visitas

mod_vvisit_counterHoje738
mod_vvisit_counterOntem3469
mod_vvisit_counterNesta Semana4207
mod_vvisit_counterNeste Mês74083
mod_vvisit_counterTodas8113549

Nós temos: 40 visitantes, 3 bots online
Hoje: 21 de Jan 2019
EVANGELHO DE 21 DE JANEIRO
Dom, 20 de Janeiro de 2019 15:09

altO jejum:18Certo dia, os discípulos de João e os fariseus estavam jejuando. Foram então perguntar a Jesus: “Por que é que os discípulos de João e os discípulos dos fariseus jejuam, enquanto os teus discípulos não jejuam?” 19Respondeu-lhes Jesus: “Será que os convidados do noivo podem jejuar enquanto está com eles o noivo? Enquanto o noivo está com eles, não podem jejuar. 20Mas virá o tempo em que o noivo lhes será tirado e então eles vão jejuar.21Ninguém costura um remendo de pano novo em roupa velha, porque o remendo novo repuxa pano velho e o rasgão fica maior ainda. 22Como também ninguém põe vinho novo em odres velhos, pois o vinho arrebenta os odres e se perdem odres e vinho. Para vinho novo, odres novos!

VIDA DO VEN. P. PELAGIO

  alt3º. Quadro – E AGORA, SEM A MÃE!: Fevereiro de 1886. A neve cobria tudo: montanhas e campos, ruas e casas. Dona Maria tinha tido seu 15º filho. Mas enfraquecida pelos afazeres, desprovida de recursos médicos, foi juntar-se no céu aos dois filhinhos já falecidos. Ficaram treze órfãos, entre os quais, o Pelaginho com apenas 8 anos. Sem a presença da mãe, podemos imaginar as angústias e preocupações do pai viúvo, rodeado por aquele bando de crianças que choravam,.Ana Elizabete, a filha mais velha das mulheres, assumiu corajosamente o trabalho doméstico e a educação dos irmãos:- Papai, fique tranqüilo. Deus vai nos ajudar.

 
3º. Quadro – E AGORA, SEM A MÃE!
Seg, 21 de Janeiro de 2019 02:41

3º. Quadro – E AGORA, SEM A MÃE!

Fevereiro de 1886. A neve cobria tudo: montanhas e campos, ruas e casas. Dona Maria tinha tido seu 15º filho. Mas enfraquecida pelos afazeres, desprovida de recursos médicos, foi juntar-se no céu aos dois filhinhos já falecidos. Ficaram treze órfãos, entre os quais, o Pelaginho com apenas 8 anos.  Sem a presença da mãe, podemos imaginar as angústias e preocupações do pai viúvo, rodeado por aquele bando de crianças que choravam a ausência da mãe.Ana Elizabete, a filha mais velha das mulheres, assumiu corajosamente o trabalho doméstico e a educação dos irmãos:- Papai, fique tranqüilo. Deus vai nos ajudar.

 
21 DE JANEIRO – FRÁGIL DE CORPO, MAS FORTE DE ALMA
Seg, 21 de Janeiro de 2019 02:27

 altAssim foi Santa Inês (+ Roma, 304), considerada uma das jovens mais belas de Roma. Tanto assim que vários rapazes desejavam desposá-la. Até mesmo o filho do governador de Roma tentou conquistá-la. Mas já havia se consagrado a Deus, dizendo-lhe como de costume: "Jesus Cristo é o meu noivo", decidiu denunciá-la ao imperador Diocleciano. Sofreu o martírio quando tinha pouco mais de 12 anos. O Papa São Dâmaso ornou o seu túmulo com alguns  versos sacros, narrando sua vida e exaltando suas virtudes. Santo Ambrosio afirma em seus escritos que nunca houve uma pessoa de tão pouca idade que demonstrasse tão grande convicção em sua fé.

Oração: Santa Inês! Faze a gente entender que virgindade e castidade não são tabu, como querem alguns, mas brio e heroísmo cristão.

 

Outros artigos